Projetos de segurança. Cuidados. Particularidades

Ao nos envolver com condomínios recém-implantados, mormente os residenciais, logo surge a preocupação com a segurança, especialmente nas grandes metrópoles.
Às vezes, ainda na assembleia de instalação algum condômino levanta a questão e põe em polvorosa todo o plenário.
Se não, na primeira AGE o tema vai surgir em toda a sua plenitude. Experiências horríveis serão relatadas, casos escabrosos serão contados, até envolvendo crianças e pessoas idosas.
A incompreendida ‘comissão de obras e orçamentos’, depois de exaustivo levantamento, numa dessas oportunidades apresenta aos presentes alguns cenários, equipamentos e seus preços, os custos das respectivas manutenções, a abrangência, ou cobertura – CFTV com ‘n’ câmeras, cerca elétrica, controle de acesso, monitoramento remoto, gravação digital, enfim, tudo de última geração, quando for o caso.
Em certa medida, até independentemente do padrão do empreendimento, os números causam espanto e alvoroço, pelo menos no primeiro momento, e o ‘expositor’ é execrado ali mesmo.

segurança1
No decorrer dos debates, conforme os condôminos vão emitindo suas opiniões – uns muito favoráveis, outros nem tanto e uma parcela visceralmente contra aquele ‘gasto’ – as convicções irão se formando e, democraticamente, passa a ser possível sugerir uma votação.
O que se pretende ressaltar é a importância de que reveste uma condução serena quando se discute a segurança de todos os envolvidos.
É preciso contar com a abnegação dos condôminos que se dispõem a pesquisar empresas, escopos e preços e, sobretudo, elogiá-los, reconhecendo o trabalhão que tiveram em nome da coletividade.

Sobre Orandyr Luz

Consultor, articulista e palestrante, especialista em gestão condominial. Autor dos livros "Evolução Histórica do Condomínio Edilício", São Paulo/SP: Editora Scortecci, 2013, "O condomínio daquela rua - Histórias e causos nesse ambiente peculiar", São Paulo/SP: Editora Biblioteca 24horas, 2015 e "O condomínio & você - Práticas de gestão condominial", Curitiba/PR: Ed. Juruá, 2018. Ciclista, leitor, cidadão.
Esta entrada foi publicada em segurança. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s