Compliance e o ano bissexto

Compliance (pronuncia-se kompl’aiens), do verbo em inglês to comply, termo já acolhido na língua portuguesa[1], é a obediência ao estabelecido, à lei ou contrato

Muito já se falou a esse respeito, desde que as regras, os parâmetros, as diretrizes estabelecidas foram (e estão sendo) implementadas no mercado corporativo.

Trazido à gestão condominial, como se sabe, refere-se exatamente ao cumprimento de todas as normas legais e regulamentares, à observância das atividades e das diretrizes afetas a esse tipo específico de “negócio”.

O que quero ressaltar aqui é: o compliance tem sido praticado por várias administradoras de condomínios há tempos.

Sim, afinal, quando essa empresa é toda estruturada em diversos departamentos, seções ou gerências, chame como quiser!, ela atende a todos os requisitos teóricos do conjunto de disciplinas abrangidas pelo compliance, e contempla todas as frentes, vamos assim dizer, da gestão do empreendimento.

skyline CPQ13

A financeira, a tributária, de pessoal, de compras e orçamentos, de manutenção, etc., a gestão administrativa propriamente dita, enfim, tudo aquilo que pressupõe uma administração proativa, mesmo sem declarar que se aderiu ao compliance, este esteve, e está, presente desde sempre.

Ao fim e ao cabo, a conclusão – triste, no meu entender – é que a preocupação maior pode ser não o resultado final a partir da adoção dessas práticas, mas simplesmente, se “apropriar” do termo compliance, pois, como se sabe, o mercado A-D-O-R-A termos em outros idiomas, especialmente em inglês.

Ah sim, quanto ao título, este artigo foi publicado no dia 29 de fevereiro, para registro de que 2020 é ano bissexto.

——————————————–

[1] Significado de Compliance: substantivo feminino e masculino[Neologismo] Ação de cumprir uma regra, procedimento, regulamento etc., geralmente estabelecidos por uma instituição e para ser cumpridos por quem dela faça parte. Disponível em https://www.dicio.com.br/compliance/. Acesso em 28/02/2020.

 

Sobre Orandyr Luz

Consultor, articulista e palestrante, especialista em gestão condominial. Autor dos livros "Evolução Histórica do Condomínio Edilício", São Paulo/SP: Editora Scortecci, 2013, "O condomínio daquela rua - Histórias e causos nesse ambiente peculiar", São Paulo/SP: Editora Biblioteca 24horas, 2015 e "O condomínio & você - Práticas de gestão condominial", Curitiba/PR: Ed. Juruá, 2018. Ciclista, leitor, cidadão.
Esta entrada foi publicada em administração com as etiquetas , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s