Da série “Inimigos do Condomínio” #1

Como “inimigos do condomínio” é preciso que se entenda que são pessoas, situações ou circunstâncias que põem em risco a salutar convivência, a boa administração e as efetivas atitudes a serem tomadas pelo síndico em relação à manutenção, à inadimplência, a todos os detalhes envolvidos nas áreas de lazer, enfim, tudo aquilo que está direta ou indiretamente relacionado com a gestão condominial propriamente dita.

Claro que iremos falar de barulho, de crianças, de garagem, de animais de estimação, de inadimplência, mas queremos iniciar esta série com o que consideramos o INIMIGO Nº 1.

Faz ideia de quem seja, ou o que seja?

Exatamente, o próprio CONDÔMINO!

Quando suas atitudes não se revestem de civilidade e cidadania, na maioria das vezes, esse ‘personagem’ é o responsável pelos embates dentro do condomínio envolvendo barulho, garagem, crianças, animais de estimação, inadimplência, e, principalmente, a segurança.

Ao esquecer seu controle de acesso à garagem e ficar buzinando até que o porteiro abra o portão, ou quando se recusa a abrir o vidro da janela de seu carro para que se certifique de que tudo está em ordem – considerando que o procedimento está previsto no regulamento interno –, o condômino, como se diz, ‘está dando munição ao inimigo’, eis que é bem possível que alguém esteja “mapeando” essa conduta.

O próximo passo do bandido é chegar ao condomínio com um carro clonado – mesma placa e tudo – meter a mão na buzina e pronto! A gangue toda lá dentro! Arrastões, medo, prejuízo, agressões, trauma, invasão da privacidade, etc. etc. etc.

Esta série foi criada por sugestão de Túlio Serêjo, de Natal, grande amigo.

Imagem

Sobre Orandyr Luz

Consultor, articulista e palestrante, especialista em gestão condominial. Autor dos livros "Evolução Histórica do Condomínio Edilício", São Paulo/SP: Editora Scortecci, 2013, "O condomínio daquela rua - Histórias e causos nesse ambiente peculiar", São Paulo/SP: Editora Biblioteca 24horas, 2015 e "O condomínio & você - Práticas de gestão condominial", Curitiba/PR: Ed. Juruá, 2018. Ciclista, leitor, cidadão.
Esse post foi publicado em administração e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s